Valsa

Um casal vive os últimos dias de um relacionamento desgastado.

Com a decisão da separação tem a de passar uma última noite juntos…

ELE: A VIAGEM É QUANDO MESMO?

ELA: DIA 15.

ELE: CÊ VAI NÉ?

ELA: SIM, MESMO PARTE DOS MEUS PLANOS NÃO FAZENDO MAIS PARTE DE MIM.

ELE: VAI SIM, VAI SER LEGAL.

ELA: ENGRAÇADO…

ELE: O QUÊ?

ELA: VOCÊ AÍ, PAGANDO DE O AMIGO PREOCUPADO. QUE MERDA!

ELE: SÓ PENSEI QUE A GENTE AINDA PODIA CONVERSAR NUMA BOA.

ELA: CONVERSAR NUMA BOA? A GENTE NÃO FAZ ISSO A MESES E VOCÊ ACHA QUE ASSIM DO NADA TUDO VOLTA AO NORMAL?

ELE: E QUEM TÁ FALANDO DE VOLTAR AO NORMAL?

(QUEBRA)

ELA: (LENDO UM PAPEL, RI) POESIA…

ELE: POIS É, CONTINUO O MESMO COVARDE DE SEMPRE. ATÉ NO ADEUS.

ELA: EU NUNCA DISSE QUE SUAS POESIAS ERAM COVARDIAS.

ELE: MAS PENSAVA. OU SERÁ QUE NÃO SEI RECONHECER A REPROVAÇÃO, A SUA REPROVAÇÃO.

ELA: EU ATÉ GOSTAVA DAS POESIAS.

ELE: E O QUE INCOMODAVA?

ELA: O QUE ELAS DIZIAM. AS VERDADES, AS DORES. VOCÊ JÁ ME TRAIU NÉ?

ELE: COMO É QUE É?

ELA: ISSO, VOCÊ JÁ ME TRAIU. TINHA UMA POESIA SUA QUE VOCÊ FALAVA SOBRE UMA DOR DE NÃO PODER COMPARTILHAR UMA ALEGRIA PROIBIDA. TÁ NA CARA!

ELE: (RI MUITO)

ELA: VOCÊ RI? QUE MERDA, MERDA!

ELE: QUANDO VOCÊ LEU ISSO?

ELA: NÃO IMPORTA, EU LI.

ELE: OK, EU NUNCA TE TRAI. MAS GOSTEI DESSA INTERPRETAÇÃO.

(QUEBRA)

ELA: VOCÊ TÁ FELIZ?

ELE: É ESTRANHO…FELIZ, FELIZ..?EU TÔ LEGAL.

ELA: POIS É, ESTRANHO… 

ELE: (RINDO)

 ELA: QUE FOI?

experimento em progresso-início:janeiro/2011

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s